Ladrão é morto e oito são presos após roubarem carga e trocarem tiros com a polícia

Ladrões que atacaram um depósito e levaram carga de celulares tiveram o crime frustrado menos de oito horas depois, na Região Metropolitana. Oito criminosos que renderam funcionários e levaram caixas de smartphones na madrugada desta terça-feira (22), em Cachoeirinha, foram presos pela polícia por volta das 13h30min. Um criminoso que, segundo a polícia, participou do assalto, foi morto em confronto.

O crime aconteceu durante a madrugada, quando ladrões atacaram um depósito da rede Via Varejo, que abastece as lojas Ponto Frio e Casas Bahia, no Distrito Industrial de Cachoeirinha. Uma quantidade não divulgada de celulares e outros produtos foi levada pelo grupo.

Os criminosos estavam em um sítio, em Gravataí. Eles estavam com parte da carga de telefones, além de armas e coletes à prova de balas, segundo o delegado Alexandre Fleck, da Delegacia de Roubo e Furto de Cargas do Departamento de Investigações Criminais (Deic).

Em uma primeira abordagem no sítio, em Gravataí, cinco criminosos foram presos. Os outros tentaram escapar pela RS-030. Durante a fuga, um dos ladrões abordou e rendeu um motorista para roubar um veículo. Os policiais continuaram a perseguição e atiraram contra o carro. Ele foi morto nas proximidades da parada 114. Outros três foram capturados.

O diretor do Departamento de Investigações Criminais (Deic), delegado Sander Cajal confirmou que os detidos confessaram participação no roubo. A divisão de Roubo e Furto de Veículos do Deic está no sítio onde eles foram localizados, em Gravataí. Segundo Cajal, há vários veículos com smartphones dentro. A intenção do grupo era esconder esses celulares para “esfriá-los”— jargão utilizado pelos ladrões para guardar os pertences roubados e vendê-los após algum tempo. Ainda segundo Cajal, ao menos dois bandidos seguem foragidos. Buscas são feitas na região.

O crime

Conforme a Brigada Militar, a quadrilha entrou no depósito por uma cerca, que foi cortada. Os seguranças foram surpreendidos pelos bandidos armados e acabaram rendidos. Depois, os assaltantes ordenaram a abertura da portaria para a entrada de ao menos quatro carros.

Já dentro do depósito, pelo menos oito funcionários foram obrigados a auxiliar a quadrilha a carregar os veículos com smartphones e outros produtos. Após encher os carros, os bandidos amarraram as vítimas e fugiram do local pela Avenida Frederico Ritter, em direção à RS-118. Na fuga, espalharam miguelitos (pregos retorcidos) pela via.

A BM só foi avisada por volta das 5h45min, quando os funcionários conseguiram ligar para o 190. Duas viaturas foram enviadas à empresa e acabaram tendo os pneus furados pelos miguelitos.

Confira nota enviada pela empresa alvo dos criminosos:

A companhia confirma um assalto ao Centro de Distribuição, localizado em Cachoeirinha (RS), na madrugada desta terça-feira, 22. Durante a ação, nenhum colaborador se feriu.

A empresa informa ainda que o CD funciona normalmente e que vem colaborando com as investigações policiais.

Fonte: GZH

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *